Nesta quarta-feira (20), a Receita Federal encerrou o processo de deslacração e contagem de mercadorias estrangeiras que estavam num ônibus apreendido por servidores no dia 30 de setembro no posto da Polícia Rodoviária Estadual em Floresta.O flagrante foi possível após informações obtidas pelo setor de inteligência da Receita Federal.O ônibus levava 16 passageiros da região de Medianeira para São Paulo.


As mercadorias de origem estrangeira estavam no bagageiro do ônibus, Parte das mercadorias estava identificada, mas o restante não.O motorista não tinha autorização da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para a viagem e também não havia lista de passageiros e nem notas fiscais. Indícios de descaminho ou contrabando.


Foram apreendidos eletrônicos, artigos de informática, smartphones, cigarros eletrônicos, perfumes, vinhos, relógios, óculos, brinquedos e outros.Os fiscais decidiram levar o ônibus para o depósito da Receita para retenção, lacração e posterior análise. Os passageiros foram liberados.Nesta quarta-feira (20), após os procedimentos necessários, os fiscais contabilizaram um total de R$ 1,5 mi em mercadorias. Foi a maior apreensão, num só veículo, realizada pela Receita Federal de Maringá em 2021.


Fonte: CBN por Luciana Peña